jusbrasil.com.br
25 de Junho de 2018
    Adicione tópicos

    Cabo Maciel apoia luta dos concursados dos Bombeiros e promete fiscalizar AM-010

    Declarando seu total apoio aos concursados do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Amazonas (CBM-AM) “pela luta incansável” em defesa dos direitos adquiridos no concurso realizado em 2009, para o qual ainda não foram nomeados embora já tenham ganhado todas as ações na justiça, o deputado Cabo Maciel (PR) cobrou do governo estadual o cumprimento das sentenças proferidas pela justiça e a convocação imediata dos aprovados.

    “Eu entendo que as sentenças proferidas pela justiça precisam ser cumpridas, porque ações judiciais se cumpre e depois se apela aos recursos se houver suspeita de irregularidades”, disse o deputado. Para ele, o que não pode acontecer é a má vontade dos gestores para com os direitos legítimos de quem prestou o concurso, foi chamado para fazer o curso de formação e depois ficou sendo jogado de um lado para o outro, sem ser convocado.

    Na opinião de Cabo Maciel, o governo de antemão tem de cumprir as ações ganhas na justiça pelos concursados do Corpo de Bombeiros, mas é necessário que o Estado abra um canal de diálogo com a comissão formada pelos concursados, parta serem atendidos pelo secretário de segurança e pelo próprio governador. “Se tem ilegalidade no concurso, que o Estado possa recorrer, mas antes as ações judiciais tem que ser cumpridas”, argumentou.

    Acidente

    O deputado Cabo Maciel também lamentou o acidente com a família do presidente da Câmara Municipal de Itacoatiara (CMI), vereador Bosco Rodrigues (PP), na rodovia AM-010, informando que no dia 2 deste mês de junho esteve com o secretário Osvaldo Said Junior, da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra), com uma pauta para tratar do descaso e abandono da AM-010, que atende pelo menos oito municípios que se interligam a Manaus através do porto de Itacoatiara.

    Segundo ele foi preciso que acontecesse o acidente e o povo de Itacoatiara fizesse uma manifestação bloqueando a estrada, para que o governo tomasse a atitude de abrir frentes de trabalho para recuperar a rodovia. Cabo Maciel também prometeu que a partir desta quinta-feira (14) irá fiscalizar pessoalmente todas as quatro frentes de obras anunciadas pelo governador Amazonino Mendes (PDT) e cobrar a realização das obras anunciadas.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)